Pesquisar este blog

quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

De alguém que tem LUZ até no nome...

Quando eu estava grávida de 35 semanas minha amiga querida, Luzinete, me presenteou com a cartinha linda que se segue. Eu queria tê-la postado quando Isis completou 35 semanas do lado de cá do mundo, mas me perdi no tempo e minha pequena já está com 37 semanas de vida extra-uterina!!! 


No tempo que essa cartinha foi escrita - parece que já faz tanto tempo - eu estava rodeada de dúvidas e de incertezas. Duvidava de minha capacidade em um tanto bom de coisas, entre elas a de parir. Mas consegui! Como já disse em outra ocasião, parir não me faz mais mulher que ninguém, muito menos uma mãe melhor ou pior. Mas me tornou alguém muito mais auto confiante, sem dúvida. 


Segue a cartinha da minha querida Luzi...


.




  Para Ísis:

  Olá Ísis, é a tia Luzi...

  Quando Francisco estava com 35 semanas habitando o mundo aquático da minha barriga, escrevi uma carta para ele no nosso blog!!  Me apresentando e apresentando o pai dele, seu tio Rê!!

  Se eu acreditasse em coincidências...  O fato é que agora vc tem 35 semanas na barriga da sua mãe!!

  E eu senti que deveria escrever algo para vc, para apresentar sua mãe para vc...

  Sem grandes pretensões, afinal, de verdade nem conheço sua mãe pessoalmente!!

  É que tenho uma intuição muito forte, "sinto" as pessoas, através de palavras, gestos, pensamentos, atitudes, sonhos, desejos...  Não preciso de mais do que isso para saber como alguém é!  Este é meu dom nesta vida, até me tornei Psicanalista por causa disso!!  Não sou modesta, não neste ponto, e garanto que sou boa em minhas percepções!

  Minha intuição sempre me apontou a direção correta, sempre me guiou corretamente, por isso me deixei agora guiar por ela para fazer algo que meu coração me disse para fazer:  ajudar a sua mãe...

  A primeira vez que soube da existência da sua mãe foi através de uma comunidade sobre gravidez no orkut!!  Entre dezenas de outras mulheres que debatiam a situação do parto em nosso país, que aliás era (espero que quando estiver lendo isso a situação tenha mudado) muito ruim!!

  Não vou me estender nisso pois se vc se interessar poderá pesquisar ou mesmo perguntar para sua mãe depois!!

  Mas como ía dizendo Ísis, haviam muitas, muitas mulheres dando suas opiniões, de todo tipo, algumas mais inflamadas, outras mais nervosas, outras um tanto ingênuas ainda!!

  Dentre tantas a sua mãe me chamou a atenção!!  Ela contava como era o atendimento no lugar onde morava!!  Contava o quanto era precário, e como uma pessoa lá não podia ter ilusões de ter um atendimento digno, como uma mãe lá não podia sonhar com um nascimento lindo para o filho...

  Ela ainda não estava grávida de vc não Ísis!

  Sua mãe estava falando de forma triste, realista e triste...

  Mas senti nela um desejo verdadeiro, quis saber onde ela vivia, quis dar a ela esperanças, na ocasião eu disse a ela (será que ela lembra?)  que não se preocupasse pois se ela quisesse mesmo parir, quando chegasse a hora as pessoas certas apareceriam!!  Que eu acreditava muito na força do pensamento e do poder da Vontade!!

  Continuamos a nos escrever, com muito carinho, ela acompanhou toda a minha gravidez, leu tudo que escrevemos no blog, sempre fez comentários lindos, sempre me emocionou com palavras doces e amorosas para com o nosso filho que ainda nem havia nascido...

  Certa vez até me escreveu dizendo que depois de ler um texto meu imaginou o Francisco com uma filha dela, vcs já adultos, e nós todos em alguma linda cachoeira por aí...

  Ísis, sua mãe ainda não estava grávida...  Neste dia eu tive certeza que ela teria uma menina um dia!!

  Enfim...  Sua mãe foi, acho, que a única pessoa que percebeu que eu sempre escrevia "nós", eu me referia ao Renato e a mim, pois estávamos juntos no sonho de um lindo nascimento para o Francisco, assim como sempre estivemos juntos em busca de nossos sonhos!!

  Já sua mãe minha querida, sempre esteve sozinha...

  Bom...  Espero que tenha contado a nossa torcida aqui em casa, nosso carinho imenso, nosso respeito, nossas orações...  De gente que ela nem conhece, mas que estava com ela nesse sonho de parir!

  Bem, o que posso dizer da sua mãe é o que meu coração sempre intuiu:  doce, meiga, corajosa, machucada pela vida, batalhadora, mesmo triste mantém um sorriso no rosto, realista mas que guarda em seu coração todos os sonhos que possui...  

  E é só por causa da realidade ao redor que seus sonhos ficaram muitas vezes sufocados dentro dela, assim como tb a sufocaram suas tristezas, frustrações, decepções, dores...

  Coisas que a Vida parece ter roubado dela, coisas que a Vida parece ter negado a ela!!

  Ainda assim tem sempre uma palavra bonita, um gesto suave, uma esperança fugidia...

  Também foi uma pessoa "dependente", e isso quer dizer muito mais do que ela mesma imagina...

  Foi também uma pessoa muito sozinha...  Não sozinha de pessoas ao redor, sozinha de pessoas que compartilhassem os mesmos ideais, sozinha de pessoas que tivessem os mesmos pensamentos, que valorizassem as mesmas coisas que a Alma suave da sua mãe sempre valorizou!!

  Sozinha de companhia para dar as mesmas risadas, para chorar as mesmas lágrimas...  Sim, pois com uma Alma suavizada ela era como uma brisa no deserto, uma jóia rara perdida no meio da lama, sem ninguém para admirar o brilho...

  Ísis, estou dizendo tudo isso, pois foi e é assim que sempre senti sua mãe, e desejo que seja assim, com esse olhar que vc a enxergue um dia...

  Eu estou dizendo tudo isso pq ela me escreveu falando de suas tristezas íntimas, esse ser especial que é sua mãe CONFIOU em mim!

  E eu senti a tristeza dela, o vazio que a rodeava, senti sua solidão...

  E senti tantas outras coisas que jamais eu poderia ficar calada e não dizer para ela e para vc...

  Foi com vc na barriga que ela descobriu pela primeira vez a plenitude, descobriu e sentiu pela primeira vez que não estava sozinha!!  Foi acomodando vc em seu ventre que ela sentiu que não era mais dependente de ninguém, e que agora, alguém dependia dela!!

  Foi com vc na barriga que ela se viu detentora de uma força que ela ainda não conhecia, que ela se descobriu forte, corajosa, capaz!!

  Mas é quando temos um filho no ventre que descobrimos todo este poder, e é também por estarmos com um filho no ventre que nos tornamos o ser mais vulnerável e frágil de todos os mundos...

  É o momento mais belo e assustador de nossas vidas, é quando finalmente nos sentimos plenas e ao mesmo tempo a mais sozinha das criaturas...

  Gostaria muito, muito de ajudar sua mãe!!

  Tudo que ela quer é parir!!  Verdadeiramente dar à luz!!  Mas isso é tão difícil neste nosso país, e sem apoio então...

  Eu acredito muito nela e especialmente em vc, sei que se ela tiver forças para respeitar seu tempo, respeitar o momento que vc "disser" que está pronta, isso já vai ser um ótimo sinal, e grande parte do caminho estará concluída!!

  Estamos aqui orando muito para que ela vença os desafios, que supere a perturbação externa, das pessoas ao redor, mas acima de tudo que ela vença os desafios internos, aqueles que estão dentro do coração dela, e que supere a perturbação que está dentro de sua própria mente!!

  É quando entramos em sintonia com nosso "EU" interior que tudo que desejamos pode se tornar realidade!!  Mas algumas vezes esse contato com o que há de mais íntimo em nosso ser pode trazer algumas revelações desagradáveis, revelações que talvez não desejamos descobrir, lembranças adormecidas que não queremos despertar, coisas esquecidas que podemos não querer lembrar!!

  Mas é só quando mergulhamos nos abismos insondáveis do nosso próprio ser que podemos nos conhecer, e é só quando nos conhecemos que podemos nos realizar!!

  Descobrimos nosso medos, limites e sonhos!!  E acho que é o caminho indispensável!!  Pois é conhecendo nossos medos que podemos vencê-los, é conhecendo nossos limites que podemos superá-los e é conhecendo nossos sonhos que podemos enfim realizá-los...

  Nossas orações e torcida estão concentradas nesta "viagem" de auto conhecimento que achamos que sua mãe fará...

  Pois sabemos que assim, ela saberá TUDO que precisa saber e conseguirá fazer TUDO que precisa fazer para realizar o que ela deseja no momento:  ter vc num parto digno e respeitoso para ambas!!

  Sabemos que quando se faz essa "viagem" nossos conceitos mudam, e tudo acaba tendo um novo significado, palavras como "humilhação", "vergonha", se tornam obsoletas diante à verdade...

  E acabamos por perceber que muitas vezes elas só estão entre nós e nosso sonho!!  Que se as compreendermos de verdade, se percebermos o que NÓS lhe damos de significado, este se perde, e estamos livres para seguirmos adiante rumo ao nosso objetivo!!

  Somos o conjunto de toda uma vida que trazemos na nossa bagagem, e o momento de dar à luz nos transforma de tal maneira que jamais quem passa por essa experiência volta a ser como antes, e quem desejou e não passou por essa experiência tb nunca mais estará tranquila...  Por isso desejo muito que sua mãe consiga realizar esse desejo!!  

  Por isso é válido que se faça QUALQUER COISA para parir!!  E principalmente que se ACEITE tudo para poder parir!

  Mas sei que o caminho para ela é árduo, e há agora tão pouco tempo...  É preciso romper com o passado, com a família, com os amigos, consigo mesma, com a vida, é preciso romper com TUDO que se coloque como obstáculo, e não sei se sua mãe já entendeu isso...

  Enfim...

  É mais ou menos isso...

  Vc terá toda a sua vida para conhecer e compreender essa pessoa incrível que é sua mãe...

  Mas acho que vc já a conhece não é mesmo??  Melhor até do que ela mesma...

  Tb tive essa sensação quando escrevi para o Francisco, que na verdade ele me conhecia muito bem, melhor do que jamais eu poderia, ou mesmo ele depois de nascer...

  Espero que um dia vcs dois possam se conhecer!!  Acho que vcs gostarão um do outro...

  Querida Ísis, estamos todos aguardando seu nascimento para daqui algumas semanas!!  Acho que nem vai demorar muito!!

  Desejamos que vc pequena viajante, faça sua travessia rumo a este mundo de forma suave, que chegue aos braços seguros e ternos da sua mãe com a certeza em seu coração que viver é um dom, é um privilégio para poucos, e que este mundo é maravilhoso, com todos os seus lados escuros e ruins, há muita beleza aqui, e é sem dúvidas um lugar para crescimento, desenvolvimento e evolução, um lugar para nos tornarmos melhores do que somos a cada dia, um lugar para sermos felizes ainda que esqueçamos disso!!

  Sim, ainda que esqueçamos que nossa "missão" aqui na terra é simplesmente sermos felizes...

  Espero que ao longo de sua vida sua mãe a lembre disso...

  Espero que ao longo de sua vida, sua mãe SE lembre disso...

  Receba nosso beijo e até breve...

  Tia Luzi, que fala em nome do tio Rê e do Francisco!

2 comentários:

Liliane disse...

Que carta linda Anninha! Iluminada essa pessoa!

Anninha disse...

Ela é mesmo Lili, ela é uma pessoa linda! =)